Como evitar microgerir a sua equipa

Current Page Image

Como evitar microgerir a sua equipa

Embora os Millennials gostem de receber feedback, a maioria das pessoas não gosta de ser controlada e observada de perto. Como pode perceber se é um microgestor e, se sim, o que pode fazer acerca disso?

Como perceber se é um microgestor

Existe uma diferença entre ser um bom líder e microgerir e tem tudo a ver com confiança. Um bom líder atribui tarefas com base nos pontos fortes dos seus colaboradores e confia que eles são capazes de concluir essas mesmas tarefas. Um microgestor quer saber todos os detalhes das tarefas e prefere, ainda, que os colaboradores abordem a tarefa segundo ele próprio faria, conforme explica Muriel Maignan Wilkins, no seu artigo da Harvard Business Review Signs That You’re a Micromanager”. Além disso, o microgestor gosta de receber atualizações frequentes sobre o progresso da sua equipa e sente que deve corrigir alguns aspetos dos resultados finais.

Dicas para parar de microgerir

Felizmente, pode ensinar-se a parar de microgerir. Este processo envolve desligar-se e confiar que o seu pessoal é capaz de realizar, e bem, as tarefas que lhes atribuiu. Lembre-se destas dicas.

  • Apresente as expectativas e instruções com clareza. No seu artigo do LinkedIn “People Hate Micromanagers. Here Are 3 Tips to Not Being One”, Paul Petrone aconselha a proporcionar aos seus colaboradores tanto conhecimento quanto possível sobre o quê, como e porquê de cada tarefa, pois tal irá reduzir confusões e mal entendidos acerca da finalidade da mesma e forma como deseja que ela seja realizada.

  • Use sempre um tom prestativo. Como gestor, apoiar os seus colaboradores é mais eficaz do que castigá-los. Desta forma, quando falar com eles, procure adotar a abordagem “Foi um bom esforço. Eis como fazer para melhorar”. Desta forma, os elementos da sua equipa sentem-se orgulhosos dos seus feitos e entusiasmados por aprender o que podem melhorar.  

  • Confie que a sua equipa fará um bom trabalho. Segundo o artigo da ForbesTry These 12 Strategies If You Need to Stop Micromanaging”, os problemas de confiança são, muitas vezes, a principal causa do hábito da microgestão. No entanto, é preciso confiar nas capacidades dos elementos da sua equipa e, caso não confie, esta desconfiança deve ser merecida. Pergunte-se qual a origem verdadeira destes problemas. Se se tratar de um problema pessoal, tome as medidas necessárias para ganhar confiança na sua equipa.  Por exemplo, distanciar-se fisicamente dos membros da sua equipa, limitando assim o número de vezes que procura verificar como o projeto está a decorrer, pode ser útil. Adiar prazos, fazendo com que tenha bastante tempo para rever os resultados finais, e permitir que a sua equipa faça melhorias, também pode ajudar. 

Parar de microgerir pode levar algum tempo e implicar alguma energia, mas, em último caso, poderá trazer um retorno bem grande ao nível do aumento da satisfação dos colaboradores, criatividade da equipa e desempenho. 

Fonte:

https://learning.linkedin.com/blog/learning-tips/people-hate-micromanagers--here-are-3-tips-to-not-being-one

https://hbr.org/2014/11/signs-that-youre-a-micromanager

https://www.forbes.com/sites/forbescoachescouncil/2018/06/04/try-these-12-strategies-if-you-need-to-stop-micromanaging/#56bddb181c48

Precisa de mais pessoal? Preencha este pequeno formulário e o seu pedido será enviado para um representante Kelly que irá contactá-lo rapidamente para conversar sobre as suas necessidades de recrutamento.