Como provar as qualificações profissionais se não tem curso?

Current Page Image

Como provar que possui as qualificações profissionais certas, se não tem curso?

Os recrutadores estão constantemente à procura de talentos com uma vasta experiência prática – ainda assim, na maioria dos casos, eles também querem que tenha um curso para prová-lo. Mas e se for autodidata? Ou se adquiriu as suas competências enquanto trabalhava?

Aqui vai poder encontrar algumas estratégias que pode por em prática para provar que tem as competências necessárias para aquele emprego – mesmo não tendo um curso.

  • Crie o seu próprio website para mostrar o seu trabalho e as suas competências. Mesmo que não seja um designer gráfico ou outro criativo profissional, é uma boa opção manter um website onde os recrutadores possam ler a sua biografia e ver o seu currículo. Pode ainda incluir uma secção para descrever o tipo de projetos em que trabalhou – e pode também criar um blog para demonstrar o seu pensamento líder.
  • Destaque a sua experiência equivalente. Como Alison Doyle afirma no seu artigo “O Que Os Empregadores Querem Dizer Com Experiência Equivalente” para o The Balance, às vezes os recrutadores vão mais facilmente considerar a quantidade e o tipo de experiência de emprego em vez de um curso. Se for este o caso, eles vão indicá-lo na descrição da oferta do emprego. É importante conseguir garantir que consegue falar acertadamente sobre a sua área e deve estar preparado para descrever precisamente o tipo de competências e experiências que tem.
  • Indique boas referências. É aconselhado ter no mínimo de três – sendo preferível cinco – boas referências de empregos anteriores. Antes de se candidatar a um novo emprego, entre em contacto com essas suas referências e pergunte-lhes, educadamente, se eles estariam dispostos a falar sobre as suas competências e experiência. Tome nota que para os potenciais empregadores é tranquilizador quando elogiam o seu trabalho árduo e as suas conquistas anteriores.
  • Tente provar que tem as competências desejadas. Existem várias maneiras de abordar este tema. Primeiro, pode oferecer-se para realizar uma prova de aptidão, algo que tem se tornado cada vez mais num requisito durante as candidaturas a um emprego. E segundo, pode também dar a sua opinião sobre como é que a empresa ou o departamento deverá proceder num determinado assunto. Note que é importante tomar o seu tempo e ter informação suficiente sobre o tema, mesmo que seja tentador sugerir uma solução que lhe ocorre em primeiro lugar. Isto vai mostrar ao potencial empregador que é cuidadoso e que quer considerar todos os ângulos antes de providenciar uma solução.

Se ao longo do tempo perceber que os empregadores estão a tentar passar-lhe para as funções que mais deseja, invista em obter um certificado ou um curso. Felizmente, existem vários locais que oferecem aulas online que lhe permitem obter um certificado ou um curso remotamente. É possível que se tenha que estabelecer num emprego com um nível mais inicial, mas uma vez que consiga obter a qualificação assim como a experiencia pretendida, torna-se mais facilmente o candidato principal para o trabalho que deseja.

Fonte:

https://medium.com/the-mission/how-to-get-a-job-even-if-you-dont-have-a-college-degree-66d7589a7fe4
https://www.pbs.org/newshour/economy/ask-the-headhunter/ask-headhunter-explain-lack-college-degree
https://www.thebalancecareers.com/what-employers-mean-by-equivalent-experience-2061389

As nossas fortes e conexões a longo-termo – com as mais admiradas empresas – podem significar um novo mundo de possibilidades para a sua carreira. Encontre o seu novo emprego hoje.